22/11/2009

Uns e outros

Durante três dos mais enriquecedores anos profissionais da minha vida vi muitos filhos chorarem a culpa de optar por colocar o seu pai ou mãe num Lar.

Hoje não vou falar disso porque o tema, só por si, merece um post próprio, por todos os clichés que desejo destronar e todos os fantasmas que gostava de espantar.

Mas ficam estas imagens, que por não terem correspondência com muitos filhos sensacionais que conheci, não podem deixar de nos fazer pensar.

video

30/09/2009

Por valores que (de momento) mais alto se levantam

Este blog, que já estava parado, paradinho vai ficar. Mas prometo voltar!
Um beijo a todos.
M.

19/08/2009

Desistir

... E quando a alma diz ao corpo que precisa de sair, ele faz o que ela lhe pede: solta-a, liberta-a. Pode ser mais depressa ou mais devagar, mas ele obedece incondicionalmente. Por isso são tão perigosas as fases da vida em que nos desinteressamos dela... A alma não pode receber muitas vezes a instrução de «agora não quero, espera, afinal ainda quero»... porque esses estados de alma são poderosíssimos, têm consequências, deixam sequelas nos órgãos. Chega um dia em que o corpo não aguenta mais e exige uma decisão derradeira.
in Por detrás das paredes
Alexandra Quadros
Assisti com recorrência a este processo. Porque desistir, para alguns, foi a única forma de sobreviver. Quando assim é, o maior acto de amor é deixar partir, em paz.

29/07/2009

Falta pouco

Este é um espaço especial que será feito de partilhas especiais. Histórias e momentos sobre os quais quero reflectir, fruto de um caminho que deixa agora de ser trilhado, mas onde quase todos os passos foram dados com muita felicidade.
A começar, no mês de Setembro.
E é com vocês que o quero partilhar. Aqui!